IR INSS

Informe de Rendimentos INSS 2022

Quer saber de forma precisa quanto você recebe da previdência social relativo a um de seus auxílios? Muito simples e fácil e, para isso, você deve proceder à emissão do informe de rendimentos INSS 2022. Este extrato do INSS serve para comprovar a sua regularidade enquanto segurado no recebimento de um auxílio ou aposentadoria.

Abaixo vamos te mostrar como emitir o informe de rendimentos INSS 2022. Continue a ler este artigo.

Extrato de INSS para Imposto de Renda

Para a declaração de imposto de renda pessoa física é preciso que você, enquanto segurado do INSS, preencha corretamente a declaração para que não caia na malha fina da Receita Federal.

O extrato INSS 2022 é um documento que vai te ajudar nesse momento, pois nele você poderá conferir todos os recebimentos no ano base para lançar tudo de forma correta na hora de declarar seu imposto de renda.

Desta forma, você diminui a possibilidade de errar na hora de proceder ao cálculo do tributo remanescente do INSS para restituição.

Como emitir o Extrato INSS 2022

Para emitir o extrato INSS 2022 você pode se valer da própria internet, não necessitando se deslocar até uma agência, permanecendo, assim, no conforto do seu lar.

Siga o passo a passo abaixo e veja como é fácil e rápido:

– Acesse o portal “Meu INSS” (https://meu.inss.gov.br/#/login). Caso não tenha cadastro, realize-o e logue no sistema;

– Clique em “Extrato de Informações do Benefício”;

– Para baixar o informe de rendimentos INSS 2022, clique em “Baixar pdf”.

Este serviço também pode ser acessado pelo aplicativo “Meu INSS” disponível para Android e iOS.

Como declarar aposentadoria no Imposto de Renda?

Os aposentados precisam listar seus recebimentos na declaração de imposto de renda na seção de “rendimentos tributáveis”.

Porém, fique atento a algumas peculiaridades na hora de declarar o imposto de renda:

– Quando o aposentado completa 65 anos de idade, a partir deste mês passa a ter isenção cujo limite mensal seja de R$ 1.903,98 e cujo limite anual seja de R$ 24.751,74. Não deixe de conferir esses limites perante a Receita Federal, pois podem ser modificados. A parte remanescente do valor que o aposentado recebe deve ser declarado como rendimento tributável.

– Caso o segurado receba duas aposentadorias, deve somar ambas, subtrair o limite anual de isenção e recolher o imposto sobre o remanescente.

– Se a aposentadoria foi por doença, a isenção é sobre o valor total da aposentadoria recebida.

Como declarar Salário Maternidade no Imposto de Renda

O Salário Maternidade é um auxílio trabalhista e, de forma obrigatória, também deve ser declarado no imposto de renda.

Na hora de declarar, quem recebe esse benefício deverá lança-lo em “Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica”, já que este tipo de benefício é pago pela empresa como meio de complementar o salário mensal da empregada.