CÁLCULOS INSS,  PAGAMENTO INSS

INSS Autônomo 2022 – Tabela, Valores a pagar, Contribuição

O INSS autônomo 2022 também é devido por aquelas pessoas que não possuem vínculo de trabalho com nenhuma empresa ou pessoa física que assine sua carteira. Por este motivo este trabalhador é chamado de autônomo e você precisa saber algumas peculiaridades para o recolhimento da contribuição devida.

Para saber como realizar o pagamento do INSS, sendo você um trabalhador autônomo, continue a ler este artigo, que trará informações relevantes.

Como pagar INSS Autônomo 2022?

Seguindo o passo a passo abaixo, você poderá recolher sua contribuição ao INSS como autônomo de forma rápida, fácil e segura.

– Faça sua inscrição no Programa de Integração Social (PIS). No site do Dataprev (https://www.dataprev.gov.br/) você poderá obter mais informações de como realizar esta inscrição. Caso já tenha trabalhado com carteira assinada, este número já existe e consta na sua CTPS;

– Escolha o tipo de contribuição. No caso do trabalhador autônomo, ele é inscrito como “contribuinte individual”;

– Realize o pagamento da Guia da Previdência Social (GPS) dentro da data limite estipulada pelo INSS.

Contribuição INSS Autônomo 11%

O contribuinte individual deve recolher o INSS no percentual de 11% sobre o valor do salário mínimo vigente. Desta maneira, fica garantido todos os direitos oferecidos pelo INSS ao segurado.

Mas, lembre-se: o pagamento dessa alíquota não te dará direito à aposentadoria por tempo de contribuição, somente por idade, bem como não poderá usar de outros regimes da previdência por meio de CTC (Certidão de Tempo de Contribuição).

Valor INSS Autônomo

Uma boa notícia é que você não fica preso à alíquota de 11%, podendo esta variar de 20%, 11% ou 5%. Abaixo, informamos os casos de cada uma:

– 5% sobre o salário mínimo: esta é a opção para os estudantes, os desempregados e para as donas de casa;

– 11% sobre o salário mínimo: com esta alíquota você consegue tão somente a aposentadoria por idade, não sendo uma alíquota válida para aposentadoria por tempo de contribuição;

– 20%: com esta alíquota, o contribuinte poderá adquirir aposentadoria por tempo de contribuição.

Recolhimento INSS Autônomo

Aquele que trabalha de maneira livre, sem vínculo empregatício, ou seja, sem carteira assinada, é considerado trabalhador autônomo. Como já dito, este tipo de trabalhador também deve recolher contribuição ao INSS, já que são prestadores de serviços.

O valor do recolhimento do INSS dos profissionais autônomos, como já dito anteriormente, possuem alíquotas que variam de 5%, 11% e 20%, sendo que cada uma tem suas particularidades que devem ser analisadas para que não haja recolhimento errôneo.